Geral Política Segurança

Frente Parlamentar em Apoio aos Bombeiros Voluntários é lançada na Alesc

Bombeiros Voluntários de diversas regiões de SC lotaram as dependências do Plenarinho

Os bombeiros voluntários de Santa Catarina vão ganhar o apoio de uma nova frente parlamentar da Assembleia Legislativa. Em solenidade no Plenarinho, o grupo foi oficialmente instalado nesta terça-feira (14), com a presença de bombeiros voluntários de todo o estado.

A criação da frente parlamentar foi proposta pelo deputado Dr. Vicente Caropreso (PSDB). “Precisamos unir forças para defender o fortalecimento das corporações de bombeiros voluntários de Santa Catarina, para que elas tenham melhores condições de trabalho e de estrutura”.

Eleito coordenador da frente, o deputado Dr. Vicente demonstrou preocupação com o PL 4.363/01, aprovado na Câmara dos Deputados que torna ilegal o funcionamento de corporação de bombeiros voluntários em todo o país. A matéria está tramitando no Senado Federal.

O projeto determina que apenas bombeiros militares podem usar os termos “bombeiro” e “corpo de bombeiros”. Também dá competência aos Corpos de Bombeiros Militares para regulamentar e autorizar o serviço feito por civis. “Na prática, proíbe o funcionamento dos corpos de bombeiros voluntários no país”, explica Dr. Vicente.

Presente na solenidade, o senador Esperidião Amin (PP-SC) disse que vai atuar para que o projeto seja profundamente debatido no Senado. “Já tomei as providências legislativas para que essa matéria tenha a sua tramitação com o maior cuidado no Senado. Propomos a realização de audiência pública e, desde já, convido os membros da frente parlamentar para participarem.”

Outra meta do grupo, segundo o deputado Caropreso, é pressionar pela garantia de efetividade no repasse de recursos e equipamentos do governo estadual aos bombeiros voluntários. “Outro problema é o incentivo financeiro do Estado em relação aos bombeiros voluntários. Deve estar previsto o repasse automático e a fonte de renda dentro do orçamento estadual”, defendeu o coordenador da frente.

Além de Dr. Vicente, coordena a Frente o deputado Matheus Cadorin (Novo), que durante oito anos esteve à frente do Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville, a mais antiga instituição do gênero no Brasil. Também farão parte do colegiado os deputados Napoleão Bernardes (PSD), Padre Pedro  Baldissera (PT), Fernando Krelling (MDB), Lunelli (MDB), Paulinha (Podemos), Neodi Saretta (PT), Volnei Weber (MDB), Oscar Gutz (PL),  Altair Silva (PP), Ivan Naatz (PL), Julio Garcia (PSD), Maurício Eskudlark (PL), Ana Campagnolo (PL), Rodrigo Minotto (PDT), Jair Miotto (União), Marcos Vieira (PSDB) e Fabiano da Luz (PT).

Deputado Dr. Vicente, coordenador da Frente

 

História
Santa Catarina é pioneira na criação de corporações de bombeiros voluntários. A unidade de Joinville foi a primeira instituída no país, em 1892. Atualmente, são 31 unidades no estado, que atendem 50 municípios, totalizando mais de 1,6 milhão de habitantes.

Diferente dos bombeiros militares, os voluntários são civis que não exercem a atividade como profissão e, por isso, não recebem remuneração pelo trabalho. Prestam serviços gratuitos à comunidade em ações de combate a incêndio, atendimento pré-hospitalar, resgate veicular e em estruturas colapsadas, entre outros.

 

Daniela Legas
AGÊNCIA AL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Grupo de Notícias