Segurança

Criança de 6 anos é agredida no Planalto Norte e padrasto e mãe são detidos: ‘tinha dó do marido’

O padrasto de um menino de 6 anos foi preso nesta quarta-feira (31) suspeito de agredir a criança. A mãe dele também foi presa como cúmplice, já que sabia da agressão e não havia denunciado o homem.

A Polícia Militar foi acionada para atender a ocorrência de agressão após o menino dar entrada no Pronto Atendimento de Canoinhas. levado pela avó. No local, ela informou que ele havia caído da cama, mas as equipes desconfiaram da versão por conta dos ferimentos no corpo da criança.

Segundo a PM, marcas no rosto do menino não aparentavam ter origem em uma simples queda já que, além de inchado, havia sangue dentro do olho esquerdo.

Por isso, a avó foi retirada do local e uma policial feminina conversou com a criança. Neste momento, ele relatou que na terça-feira (30) havia apanhado de seu padrasto, que estava bêbado.

Os policiais questionaram a avó sobre o relato do menino e, então, ela informou que sua nora teria pedido a ela que contasse a história da queda pois ela “tinha dó do marido”.

Prisões após agressão da criança

Diante do relato, a avó foi levada pelos policiais até o trabalho do suspeito, no município de Bela Vista do Toldo. Lá, ele foi preso. Em seguida, as equipes seguiram até a casa da família, onde encontraram a mãe do menino, que também recebeu voz de prisão.

Os três envolvidos foram levados até a Delegacia de Polícia. Os policiais cuidaram da criança até a chegada da conselheira tutelar, que ficou responsável por ela.

Fonte/FERNANDA SILVA/NDmais

Grupo de Notícias